fbpx

O sensor de presença é um dispositivo utilizado na automação das luzes e iluminação dos ambientes. Oferece comodidade e economia, pois podem acionar lâmpadas através do movimento. Além disso, em conjunto às minuterias, evitam que as luzes fiquem acesas por esquecimento. Saiba mais

Sensores de presença

Luminária LED com sensor de presença e fotocélula

CÓD: VAR: Luminária LED com sensor de presença e fotocélula

  • Limpar

Minuterias

Minuteria eletrônica

CÓD: VAR: Minuteria eletrônica

  • Limpar

Sensores de presença

Sensor de presença 2 lentes interno de embutir e sobrepor teto

CÓD: VAR: Sensor de presença 2 lentes interno de embutir e sobrepor teto

  • Limpar

Sobrepor

Sensor de presença externo premium sobrepor parede

CÓD: VAR: Sensor de presença externo premium PMPX-40F sobrepor parede - com fotocélula

  • Limpar

Sobrepor

Sensor de presença externo standard sobrepor parede

CÓD: VAR: Sensor de presença externo MPX-40F sobrepor parede – com fotocélula

  • Limpar

Sensores de presença

Sensor de presença interno de embutir e sobrepor teto

CÓD: VAR: Sensor de presença interno de embutir e sobrepor teto

  • Limpar

Embutir

Sensor de presença interno de embutir parede

CÓD: VAR: Sensor de presença interno de embutir parede

  • Limpar

Embutir

Sensor de presença interno de embutir teto gesso

CÓD: VAR: Sensor de presença interno de embutir teto

  • Limpar

Embutir

Sensor de presença interno de embutir teto laje

CÓD: VAR: Sensor de presença interno de embutir teto laje

  • Limpar

Como funcionam os sensores de presença

Os sensores de presença para iluminação, também chamados de detectores de presença ou sensores de movimento, acionam lâmpadas ou luminárias automaticamente. Isso ocorre quando detecta a movimentação de pessoas, animais de grande porte, veículos  e outras fontes de calor, desligando após o tempo pré-determinado.
O sensor infravermelho é capaz de captar variações térmicas, emitida pelas fontes de calor em movimento, dentro de sua área de atuação.

Vantagens dos sensores de presença

A maior vantagem desses dispositivos é a economia de energia elétrica, pois  evitam que as lâmpadas fiquem acesas desnecessariamente por esquecimento.
Eles também oferecem comodidade, além de poderem atuar como um tipo de sensor de segurança, quando instalados nas entradas de casas, portarias e garagens, pois acionam a iluminação assim que alguém se aproxima, chamando a atenção dos moradores.

Tipos de sensores de presença

Invista em sensores de iluminação para automatizar lâmpadas e luminárias em locais de circulação, tais como halls, corredores e escadarias. Existem diversos tipos de sensores para detecção de movimentos. Alguns modelos permitem ajustes, tais como tempo, sensibilidade e fotocélula. Outros são fixos, não permitindo regulagens.
Também existem sensores de presença externos, apropriados para instalação em áreas abertas, enquanto outros são indicados somente para ambientes internos.
Portanto, é indispensável ter algumas informações para acertar na escolha do modelo mais adequado. Conheça algumas das principais:

  • Tamanho do local - Cada sensor tem uma área de atuação definida, bem como um ângulo de detecção, que devem ser adequados ao ambiente onde serão instalados.
  • Altura do local - É igualmente importante para o funcionamento correto do sensor, devendo estar de acordo com as especificações do manual.
  • Iluminação natural - Se o ambiente receber luz natural durante o dia, é ideal instalar um sensor de presença com fotocélula, pois ele irá acionar a iluminação somente quando estiver escuro e houver movimentação, ajudando a economizar ainda mais energia.
  •  

    Como instalar sensores de presença?

    Antes de começar, é indispensável garantir que a energia elétrica esteja desligada.
    Geralmente, os sensores de presença para lâmpadas são fixados no teto ou na parede, de acordo com o modelo. E podem acionar diversos tipos de lâmpadas, tais como incandescentes, fluorescentes tubulares, compactas e LED, em redes de 127V~ e também 220V~.
    A ligação do sensor de presença deve seguir rigorosamente o esquema indicado no manual do produto. Também é preciso tomar cuidado para não exceder a potência e o número de lâmpadas que o sensor suporta.
    Uma vez terminadas as ligações e realizada a conferência final, a energia poderá ser religada. É preciso aguardar alguns instantes para a estabilização do sensor antes de utilizá-lo pela primeira vez. Depois disso, funcionará sempre de acordo com o tempo ajustado.

    Você sabe como instalar uma luz com sensor de presença de maneira fácil e rápida?

    Para isso, você pode usar o sensor de presença com soquete E27, também conhecido como bocal com sensor de presença, ou ainda sensor para lâmpada.
    O passo a passo é simples. Basta retirar a lâmpada e rosquear o sensor entre ela e a luminária, mantendo o interruptor existente sempre ligado.
    Assim você terá comodidade e economia, sem a necessidade de modificar a instalação elétrica existente.

    Como funcionam as minuterias?

    As minuterias são dispositivos de comando manual, que apagam automaticamente a iluminação após um tempo definido. Elas levam este nome por manterem, em geral, as lâmpadas acesas por aproximadamente um minuto.

    Minuterias coletivas

    As minuterias coletivas permitem o acionamento da iluminação a partir de diversos pontos, sendo ideais para ambientes com múltiplos acessos, como hotéis e prédios residenciais.
    Em geral, as minuterias coletivas são embutidas e permitem o uso de interruptores pulsadores do mesmo padrão dos acabamentos elétricos já existentes na edificação, oferecendo assim a vantagem de não comprometer a estética do ambiente.

    Evolução das minuterias

    Atualmente, os sensores de presença têm substituído as minuterias em diversos casos, pois estes dispensam o acionamento manual, acendendo e apagando a iluminação automaticamente.
    Apesar disso, há diversos locais em que as minuterias são utilizadas, seja por questões estéticas, ou mesmo por limitações da infraestrutura predial.