fbpx

O pressostato é um tipo de interruptor elétrico, utilizado para ligar e desligar automaticamente um sistema de pressurização (como um compressor de ar, por exemplo), de acordo com o nível da pressão. Saiba mais

  • Limpar

Pressostato

Pressostato – 100/140 PSI

CÓD: 15507

Pressostato

Pressostato – 100/150 PSI

CÓD: 12372

Pressostato

Pressostato – 125/175 PSI

CÓD: 6902

Pressostato

Pressostato – 30/50 PSI

CÓD: 7173

Pressostato

Pressostato – 80/120 PSI

CÓD: Pressostato - 80/120 PSI

  • Limpar

O que é um pressostato?

O pressostato é um interruptor ou chave elétrica automática, que responde às variações do nível de pressão de ar, água ou outro elemento, de acordo com sua finalidade. O tipo utilizado em compressores de ar, também é chamado de “automático de compressor”.

Em geral, os pressostatos são eletromecânicos, do tipo NF (normalmente fechados), ou seja, que ligam quando a pressão está abaixo da regulagem mínima, e desligam quando a pressão atinge o limite máximo ajustado.

Também existem pressostatos eletrônicos, utilizados em aplicações especiais.

Como funciona um pressostato para compressor de ar?

Quando um compressor de ar é ligado na rede elétrica, e o pressostato “percebe” que a pressão está baixa, ele liga o sistema de pressurização. Assim, a pressão sobe gradualmente, até atingir o valor máximo regulado no pressostato - momento em que este desliga o sistema.

À medida que o ar comprimido é utilizado, a pressão começa a cair, até o valor mínimo regulado no pressostato, quando este volta a ligar o compressor.

Por exemplo, um pressostato de 80 / 120 psi manterá a pressão interna do reservatório entre esses valores, desligando em 120 psi e voltando a ligar em 80 psi, mantendo um diferencial de 40 psi (diferença entre as pressões máxima e mínima).

Em outras palavras, a pressão de trabalho do compressor será definida pela regulagem do pressostato utilizado.

Geralmente, o pressostato para compressor de 80 / 120 psi é conhecido no comércio como “pressostato de baixa pressão”. Já o modelo com regulagem de 125 / 175 psi é chamado de “pressostato de alta pressão”.

Exemplos de aplicação dos pressostatos

Pressostatos para compressores de ar (pneumáticos)

Os compressores são essenciais para o funcionamento de ferramentas e aparelhos pneumáticos, como pistolas de pintura, furadeiras, instrumentos odontológicos e muitos outros.

Nesta aplicação, normalmente os pressostatos de ar são utilizados em conjunto com outros dispositivos, tais como:

Manômetros

O manômetro é um instrumento de medição, utilizado para monitorar a pressão interna do reservatório do compressor, informando os valores correspondentes em bar ou psi, na maioria das vezes.

Válvulas de segurança

São dispositivos que liberam automaticamente a saída do ar comprimido para o ambiente em caso de falha, quando a pressão do reservatório do compressor se aproximar do valor máximo suportado pelo mesmo.

Esquema de ligação do pressostato para compressor

De acordo com o tipo e potência do compressor, o pressostato poderá ligar o motor diretamente, logo após os dispositivos de proteção elétrica obrigatórios (tais como disjuntores e diferenciais residuais) ou indiretamente, através de um comando com contatores ou outros dispositivos de partida.

Na ligação direta, o pressostato é ligado em série com o motor, comutando toda a potência utilizada por este último.

Já na ligação indireta, o pressostato fornece apenas um comando de baixa potência a outro dispositivo (como um contator ou chave estática), que realizará o acionamento do motor.

Pressostatos para água

Os pressostatos também são utilizados em redes de água pressurizada, em sistemas de combate à incêndios e de irrigação. Sua função nesses casos, na maioria das vezes, é acionar uma bomba de recalque quando a pressão cair, a fim de manter a força do jato de água.

Pressostatos para outros fins

Existem diversos tipos de pressostatos, além dos modelos projetados para uso em compressores de ar e redes de água pressurizada. Entre eles, temos os pressostatos para máquinas de lavar e os pressostatos para aparelhos de ar condicionado.

Já outros, são específicos para utilização em chuveiros e duchas, por exemplo. Neste caso, seu papel é ligar o pressurizador, que é uma espécie de bomba, assim que o registro da água for aberto, a fim de obter um jato mais potente.

Acessórios e peças de reposição para pressostatos

Em geral, os pressostatos permitem a troca ou inclusão de alguns componentes, seja para manutenção ou mesmo por necessidade de uso, tais como válvulas de alívio e o parafuso para pressostatos de 4 vias.

Válvula de alívio

A válvula de alívio é indispensável na maioria dos pressostatos utilizados em compressores de ar. Como o próprio nome indica, ela tem a função de aliviar o ar que fica “preso” no cabeçote do compressor, no momento em que o mesmo é desligado. Desta forma, a partida do motor no próximo ciclo é facilitada.

Parafuso TF1 para pressostatos de 4 vias

Geralmente, os pressostatos mais comuns para compressores de ar possuem apenas uma via, ou seja, uma só conexão para a entrada de ar do reservatório.

Já outros modelos possuem 4 vias, que permitem conectar, além do reservatório do compressor, um manômetro para monitorar a pressão, uma válvula de segurança e ainda uma mangueira para uso do ar comprimido, por exemplo.

Porém, há casos em que não são usadas todas as 4 vias. Portanto, é necessário vedar as conexões não utilizadas para impedir a saída do ar comprimido. Para esta finalidade, existem “tampas” especiais, como o parafuso TF1.