fbpx

O que são Led Drivers e como escolher o modelo certo

O que são Led Drivers e como escolher o modelo certo

O Led driver é uma peça essencial para o funcionamento de plafons, painéis, fitas e outros tipos de lâmpadas e luminárias. Também conhecido como reator para lâmpada led, reator para fita de led ou ainda reator de lâmpada led, ele tem a função de “transformar” a energia fornecida pela rede elétrica, modificando a tensão de alternada para contínua e controlada, necessária ao funcionamento dos leds.

Alguns tipos de lâmpadas Led têm os drivers integrados durante o processo de fabricação, dispensando o uso externo destes. Em geral, trata-se de uma placa com componentes eletrônicos, “lacrada” em seu interior. Entre os exemplos mais comuns, temos os bulbos, as tubulares e os refletores. Já no caso dos plafons, painéis e fitas led, geralmente o driver é uma “caixa” independente, que pode ser substituída para manutenção, por exemplo.

Led driver e Reator para lâmpadas fluorescentes. Qual a diferença?

É muito comum que os Led drivers sejam confundidos com reatores para lâmpadas fluorescentes. Embora ambos tenham a função de fornecer uma corrente elétrica controlada, eles convertem a energia de modos diferentes. Isto porque os leds e as lâmpadas fluorescentes precisam de condições bem distintas para funcionar.

Led drivers para plafons e painéis

Os  Led drivers mais comuns utilizados em plafons e painéis são do tipo com corrente constante. Neste, a corrente de saída é mantida relativamente fixa em determinado valor, como 300mA, 350mA ou 450mA, por exemplo, enquanto a tensão de saída é variável.

Led drivers ou fontes para fitas de led

Já as fitas de led, normalmente utilizam drivers com tensão constante, também conhecidos como fontes de alimentação para fitas de led. Eles fornecem uma tensão ou “voltagem” fixa na saída, que em geral é de 12V ou 24V, dependendo do modelo. Neste caso, é a corrente de saída que é variável.

Como escolher o driver certo para um plafon ou painel?

Para que uma lâmpada ou luminária led funcione corretamente, é preciso utilizar um driver compatível com suas especificações. No caso de uma manutenção, seria ideal levar o Led driver que apresentou defeito até a loja, buscando um substituto com as mesmas características.

Como regra geral, é preciso procurar uma opção que tenha a mesma corrente de saída e potência em Watts da peça danificada (exemplo: 300mA e 24W). Isto é importante, porque se qualquer destas especificações for menor que a exigida pela luminária, a tendência é que luz emitida fique mais “fraca”, ou mesmo nem funcione.

Por outro lado, se a corrente e/ou potência do driver for maior que a necessária, a luz poderá ficar muito forte, porém irá sobrecarregar os leds, danificando-os ou reduzindo sua durabilidade.

Assim, com estas informações em mãos, ficará mais fácil encontrar o led driver adequado para seu plafon ou painel. Conheça aqui alguns modelos comerciais.

Como escolher o driver certo para uma fita de led?

Já no caso dos drivers ou fontes para fitas de led, é importante considerar, no mínimo, duas especificações básicas: a tensão de saída (“voltagem”), e a potência em Watts necessária para acender os leds com a intensidade certa. Para facilitar, apresentamos um exemplo prático:

Qual led driver é indicado para acender 3 metros de fita led modelo 3528?

a) Primeiramente, consultamos as especificações do fabricante da fita, que geralmente estão na própria embalagem ou manual. Nelas encontramos que a tensão é de 12V e a potência necessária é de 4,5W por metro (normalmente, as fitas mais comuns podem ser cortadas em vários comprimentos, de acordo com a necessidade);

b) Como vamos utilizar 3 metros, é só multiplicar: 3 x 4,5W = 13,5W;

c) A partir destas informações – tensão de 12V e potência mínima de13,5W – poderemos utilizar, por exemplo, o led driver modelo LDT-12 de 15W,

Vale destacar que, no caso dos led drivers de tensão, é preciso utilizar um modelo com potência em Watts sempre igual ou maior que a exigida. Porém a tensão ou “voltagem”, não poderá ser diferente daquela indicada pelo fabricante da fita.

Orientações importantes

É preciso saber que existem outras características a se considerar na hora de escolher um led driver. Entre elas, temos as seguintes:

a) Altura da caixa do led driver (para garantir que o driver caberá na luminária);

b) A forma de ligação (saída com “fios” ou conector);

c) A tensão de entrada (“voltagem” rede elétrica que alimentará o driver).

Portanto, apresentamos no texto apenas aquelas que geram mais dúvidas na prática, para facilitar o entendimento.

Por fim, vale destacar que somente pessoas qualificadas dever realizar instalações elétricas.